10 de setembro de 2015

Resenha: Não Se Iluda, Não - Isabela Freitas



Nesse mesmo blog, eu já tinha feito a resenha do primeiro livro da Isabela Freitas, o "Não Se Apega, Não". Porém, como comecei uma vida nova no blog, resolvi excluir :(

Mas vamos ao que interessa.

A continuação da história do "Não Se Apega, Não" me impressionou muito. Em meio a continuação da vida amorosa da personagem Isabela, ela também corre atrás do seu sonho: ser escritora.

"Escrever é como uma terapia pra mim, os sentimentos vêm e eu preciso colocá-los para fora. Em forma de palavras. Tem um modo mais bonito de sentir? Se tiver, desconheço. É como se o ato de colocar um sentimento em palavras fizesse com que ele se concretizasse."
Não acho que o enfoque de um relacionamento amoroso, tenha sido passado através da leitura. A escritora quis passar ao leitor aquele empurrãozinho para correr atrás dos seus sonhos e objetivos.
Que todos podem se superar, sonhar, correr atrás e ainda assim ficar bem e realizar os seus sonhos (e não se iludir).

"Todo mal causado um dia há de voltar para quem o causou, acredito muito nisso. O universo é o melhor justiceiro que existe. Às vezes sou chamada de ‘trouxa’ pelas pessoas próximas. Trouxa porquê? Porque perdoo alguém que se arrependeu? Porque acredito no melhor das pessoas? Porque não consigo odiar uma pessoa sequer? Porque no meu coração sempre cabe mais um? Então eu sou trouxa sim. Com muito orgulho. Meus sentimentos estão sempre em uma bandeja, prontos para serem entregues."

O final me deixou bem triste, apesar de saber que o vai ser um trilogia. Espero que no próximo livro, Isabela consiga focar mais em relacionamentos, pois foi isso o que ela tentou focar no seu primeiro livro.

Recomendo sim esse livro, pois ele se torna especial por não ter uma classificação e ter vários temas abordando em um só livro. Então, COMPRE!

Se você leu também, comenta o que achou! ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2015| Design e C�digo: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo